Máquinas Industriais

Nas unidades produtivas encontram-se máquinas e equipamentos que durante os trabalhos geram ruído e vibração que, se superiores a certos limites de tolerância, necessitam de isolamento de forma a proteger a saúde dos funcionários (Decreto-Lei 81/2008).

Em outros casos, máquinas-ferramentas usadas para trabalhos mecânicos de extrema precisão ou bancadas para o controle de qualidade toleram níveis vibratórios na entrada muito baixos, não compatíveis com o ambiente onde são instalados.

A melhor solução que mantém a rigidez necessária do plano de apoio e aumenta a massa suspensa, é realizar sob a máquina/equipamento a ser isolado uma fundação separada do resto do ambiente e apoiados sobre suportes antivibrações (Vibrostop G, Vibrostop BPDVibrostop AA e Vibrostop TSZ).

Ma maior parte dos casos tal solução se mostra antieconômica (em termos dos custos da obra e da parada de produção) e é preferível posicionar a máquina diretamente sobre isoladores antivibrações: com apoio simples, quando o atrito é suficiente para manter o posicionamento, pode-se usar as séries Vibrostop BPD, Vibrostop GVibrostop TSGE e Vibrostop TSPP; com fixação ao piso, se existirem forças horizontais importantes que tendem a desequilibrar a máquina, usando as séries de antivibrações Vibrostop AAVibrostop Flexobloc e Vibrostop TSZ.

Nos casos em que o problema da interrupção das vibrações seja secundário, mas onde seja necessário colocar a máquina em um nível perfeito, é possível resolver o problema por meio de sapatas reguláveis (Vibrostop ZREG), que tem capacidades fracas de isolamento.